Corridas de rua no Brasil

As corridas de ruas cresceram muito e, consequentemente, os inscritos também. Clique para ver.

As corridas de ruas cresceram muito e, consequentemente, os inscritos também. Clique para ver.

De acordo com a Federação Paulista de Atletismo, o número de corridas de rua  que ocorreram no Brasil anualmente, no período de 2004 a 2014, quase quadruplicou.Os eventos cresceram de 107 à 361 por ano .

O numero de inscritos mostrou  grande evolução. Entre o mesmo período de tempo os cadastrados aumentaram de 100.000 para 700.000 anualmente.

Entre os inscritos, 65% são homens, enquanto apenas 35% são mulheres, se tornando minoria nas corridas.
(Fonte: atletismofpa.org.br)

Crescimento do número de participantes da São Silvestre

São Silvestre

Corrida tem 90 anos e última edição teve 30 mil atletas. Clique para ver.

Em meio às comemorações de um novo ano, o povo de São Paulo aprendeu a conviver com uma outra festa: a Corrida de São Silvestre. Para os atletas, o clima e a receptividade do povo paulistano não poderia ser melhor. Logo cedo, no dia 31 de dezembro, as ruas da cidade anunciam o espetáculo, principalmente a Avenida Paulista, ponto de chegada e partida de todos os corredores participantes da importante prova.

Esse rito se repete todo o ano na cidade de São Paulo. Tudo começou com o jornalista Cásper Líbero, que se inspirou numa corrida noturna francesa em que os competidores carregavam tochas de fogo durante o percurso. Em 1924, depois de assistir ao evento em Paris, ele não teve dúvidas de trazer o projeto para São Paulo. À meia-noite de 31 de dezembro daquele mesmo ano foi disputada a primeira São Silvestre, que homenageia o Santo do dia.

(Fonte: saosilvestre.com.br)

Aumento do número de corredores da Meia Maratona Internacional do Rio de Janeiro

Meia maratona do Rio

Aumento de corredores na Meia Maratona do Rio. Clique na imagem para ver.

A Maratona e a Meia Maratona do Rio de Janeiro foi criada pela corredora Eleonora Mendonça e teve início em 1978. O sucesso da prova acabou chamando a atenção do jornalista esportivo José Inácio Werneck, que ajudou a criar a primeira maratona organizada em moldes internacionais. Com grande cobertura do jornal do Brasil e outros veículos de comunicação, a prova se tornou um grande sucesso levando milhares de pessoas às ruas.

(Fonte: wikipédia.org)